Tóquio - informações gerais

Moderadores: Admin, PHT

Mensagempor GuiaTurístico » 08/12/2001 20:08:00

Amigos, <BR> <BR>Antes de mais nada, tenham em mente que estamos falando de uma cidade que fica do outro lado do planeta. Apesar da Internet, tv, filmes etc., a cultura e mentalidade japonesa é muito diferente da nossa. Mesmo quem tem boa intuição e experiência pode acabar perdendo a viagem ou entrando em algumas furadas na capital nipônica. Por isso, vale a pena fazer um estudo antes de ir para lá, para poder aproveitar ao máximo. <IMG SRC="images/smiles/icon_razz.gif"> <BR> <BR>1) Horário <BR>Se quiser se arranjar, prepare-se para sair do hotel pelas 19 hs no MÁXIMO. Até vc pegar o trem errado pela oitava vez, achar a saída certa do metrô, andar, pedir informação... vai estar quase na hora de fechar tudo. Pouquíssima coisa funciona até depois de meia noite. <BR> <BR>2) Perigos <IMG SRC="images/smiles/icon_eek.gif"> <BR>Até onde eu saiba, não existe nada semelhante aos golpes do Soho (bairro de Londres), em que o turista é extorquido. <BR> <BR>Com relação à máfia, a Yakuza, ela é, de certa forma, inofensiva para o turista médio. Isso porque os negócios deles envolvem valores muito altos, e o nosso dinheirinho é trocado. Principalmente nos bairros mais pesados (como Kabuki-cho ou Roppongi) o que eu pude observar era muita tranquilidade (com relação a trobadinhas/trombadões), já que essas figuras acabam atrapanhando outros negócios deles, como o sexo ou venda de ilícitos. Assim sendo, o forista que estiver com vontade de molhar o biscoito pode ir sem medo. Só não saia pensando "O Guia me contou que no JP é tudo sussu, então vou cair na zoeira". Tem uns tipinhos muito perigosos... os iranianos são os piores. Se vc por acaso arranjar encrenca com um deles, SAIA da cidade. É sério. Em geral, só se arruma problema com esse povo em boliches, bares baixo nível... fique longe. Bem, chega de baixo astral e vamos ao que interessa: <BR> <BR> <BR>3) Os bairros <BR>3.1) Kabuki-cho. Faça a "promenade" neste bairro do pecado e em curto tempo terá gente (iranianos, chicanos, indianos, africanos...) oferecendo mil maravilhas: "Yo man, com' here... lots of tight pussy for ya!". Em geral esse povo não merece credibilidade, existe muita intermediação... é programa pros "patos". Isso porque o programa é caro (como tudo por lá) mas o custo/benefício não compensa. Cerca de 70 dólares para uma menina de biquini fazendo uma dança da garrafa na sua frente, ou, na melhor das hipóteses, no seu colo. Nível meio baixo, eu daria nota cinco. Existe um monte de casa, com fotos que até chamam a atenção, mas se apenas estiver com caracteres orientais, a tradução que se aplica a todas elas é: (gringos não são bem vindos). Se mesmo assim vc quiser insistir, pode usar a estratégia (muito útil no Jp) do "sumimasen, turisutu desu, nihongou zenzen wakaranai" (- desculpe, sou turista e não entendo japonês), faça uma reverência respeitosa (lembre-se dos mafiosos) e caia fora. Se o tempo estiver passando (lembre-se do TEMPO!), tente algo garantido: <BR> <BR>3.1.1) A chupetinha local <BR>Não sei vocês, mas quando eu viajo eu encano com o fato de transar com uma menina local. Quem tiver essa sensação pode escolher a chupeta japonesa, que é rápida (gozou, acabou) e feita por japonesas. O preço ACHO que era 70 dólares (90.000 ienes). Como não estava com essa bolada para encarar o custo/benefício ruim, só obtive informações mais detalhadas sobre o item abaixo: <BR> <BR>3.1.2) Massagem coreana <BR>Andando nas ruas de Kabuki-cho, o turista é abordado por um egípcio com cara de safado (parece que saiu do desenho do Aladin) e leva até uma casa apertada. Vem um coreano pouco simpático, aponta para três sofás onde é possível folhear algumas revistas e tomar água gelada <IMG SRC="images/smiles/icon_confused.gif"> <BR>Peça para ele um book com as fotos das meninas, eles têm, mas em geral não mostram se vc não pedir. Em geral ele não deixa vc escolher a menina, mas com gorjetinha tudo se resolve nesse mundo. <BR>A massagem: entrando no quartinho, existe um box onde ela te dá um banho e deita na cama. Existe um cano de ferro no teto para ela segurar enquanto faz a massagem com os pés. Massagem nota 10!!! <BR>Acontece um oral rápido, 3 minutos. Se quiser que ela continue, gorgetinha na coreana. Elas não entendem nada de inglês e sabem algumas coisas em japonês. <BR>Depois rola um creme para a massagem tailandesa e novo banho. 10.000 ienes, na minha opinião vale pela massagem. No sex. 1 hora. <BR> <BR>3.1.3) Image clubs <BR>Com uma cara de japa, e sabendo falar nihongou, o turista pode ainda ter a opção de Image Clubs: são lugares onde a fantasia corre solta. As meninas se vestem de meninas-gato, policiais, enfermeiras (clássico), colegiais, tem até uma que é a inimiga do Jaspion, a Shima!!! (lembra? a que tinha roupa vermelha sado-maso e voz de homem?). É tudo uma grande brincadeira, e vc pode brincar de teatro com elas enquanto transa. Vale a pena. Lembre-se que os Image clubs são meio restritos para japoneses. Se o pessoal tiver um jeito simpático, gorjeta!! Chances de funcionar: 35%. Me informaram que existem vários tipos de Image clubs (os mais famosos são os de colegiais), mas existem outros com idosas, e outros de exibicionismo, muito caros, mas que topam até trepar no metrô. Se alguém tiver mais informações... <BR> <BR> <BR>ufa! Cansei!!!! Depois eu conto o resto (bares, baladas, roppongi etc) <BR> <BR>Abraços <BR>GuiaTurístico<BR><BR><font size=-1>[ Esta Mensagem foi editada por: GuiaTurístico em 2001-12-27 14:32 ]</font>
"Quando um não quer o outro vira onanista" (Millôr)
GuiaTurístico
 
Mensagens: 13
Registrado em: 07/12/2001 21:39:00
Localização: São Paulo - SP - Brasil

Mensagempor GuiaTurístico » 08/12/2001 21:35:00

Continuando com os bairros: <BR> <BR>3) Bairros <BR>3.2) Roppongi <BR>Atenção: os funcionários de hotel, taxistas, etc. estarão dizendo que Roppongi é o melhor lugar em Tóquio para se divertir. Não foi bem essa a impressão que eu tive, talvez eu não tenha ido para os lugares certos. Achei tudo muito falso, para agradar o gosto americano. Saindo do metrô, existe uma série de bares, depois karaokês e depois strip clubs. <BR>Os bares são sossegados em geral, como os nossos. Mas ouvi falar em uns tais de "Pink bar / Pink Salon" onde vc senta no balcão, abre o zíper, passa o seu brinquedo por um buraco e, do outro lado, uma "menina linda" irá satisfazer seus desejos. Procurei, mas não achei. <BR> <BR>3.2.1) 7th Heaven <BR>É o melhor strip club da cidade. 40 mulheres fantásticas, de todos os lugares do planeta (tinha até uma de Ribeirão Preto). Mas o ruim é que o lugar só serve para passar vontade e gastar dinheiro com bebida. Entrada: 50 dólares. O strip é bem legal, tudo muito alto nível, boas conversas e, mediante um extra de 60 doletas, o "teboru dansu" (table dance) em que vc vai para uma salinha escura, quatro sofás um de costas para o outro, senta e, na sua frente a menina faz um strip que dura durante uma música. Nada de mão boba: na entrada da salinha fica um troglo de 2 metros de altura.O esquema nesse lugar é ser sossegado, usar de todo o seu charme e simpatia e tentar encontrar com a garota por fora (apesar de isso ser proibido) num outro dia. Chances: 1% com gringas, 20% se com brasileiras. <BR> <BR>3.3) Asakasa <BR>Melhor pedir ajuda para algum taxista ou dono de sex shop. Aqui tem bastante coisa interessante, mas é bem difícil de achar (e olha que eu sou observador hein!) <IMG SRC="images/smiles/icon_smile.gif"> <BR>Existem alguns bares de fachada discreta com atendentes chinesas, ou coreanas. Elas vão para o Japão com visto de estudante, mas com a finalidade de trabalhar nestes bares. Boa parte delas aceita transar por 250 a 450 dólares, mas é algo que não compensa muito o custo/benefício. As chinesas são mais fáceis, enquanto as coreanas preferem os japoneses locais, pois eles são mais "manipuláveis" e dão mais presentinhos, pagam melhor e não torram a paciência. <BR> <BR>4) Ruas <BR>Como os nomes são complicados, ao invés de dar o peixe, vamos ver como pescar: nas idas e vindas, dentro do trêm, fique de olho na arquitetura da cidade. Locais onde for possível encontrar neons coloridos de noite escrito "Hotel", corações, "love"... memorize a estação e dê uma caminhada (acho que Shin Okubo é um dos locais). Em pouco tempo será possível escutar os passos de salto alto e bijouterias, pulseiras se aproximando. É uma coroa (perua e bonitona), que tentará se comunicar com um inglês péssimo. Ela tem a oferecer: tailandesas, filipinas, coreanas, chinesas, e meninas de singapura (como chama? singapurianas?) e nenhuma japonesa. De vez em quando aparece alguma que tem não-asiáticas, tipo colombianas, russas... mas é bom evitar pois essas são meio encrenqueiras. Diga a preferência, ela pega o celular e em alguns instantes as meninas chegam. Nada especial, mas o forista pode acabar dando sorte. O programa é feito em "Love Hotels" (motéis) da região. É muito interessante (lembre-se que GPFórum é cultura) conhecer o sistema de motéis deles: como quem vai nesses lugares muitas vezes é pai de família, ou mesmo um solteirão envergonhado, não existe um contato tete-a-tete com o funcionário do motel. Tudo automatizado!!!! Um monte de botões, mensagens automáticas, passa o dinheiro por um buraquinho... mas vc nunca verá uma alma viva! <BR>Se o tempo for curto, não aconselho o forista a arriscar ir até esses locais, perder tempo e não querer fazer o programa. Vai acabar perdendo a noite. Novamente, cuidado com eventuais iranianos. <BR> <BR>5) Soapland (leia-se "sopurando") <BR>Não é exatamente akasaka o bairro, mas é perto: o famoso Soapland <IMG SRC="images/smiles/icon_biggrin.gif">, algo que só tem no Japão. São casas tipo sauna, muito chiques algumas, mas "japanese only". Quer dizer: "gaijin" (gringo) não entra. Infelizmente o povo japonês em geral não é aberto a estrangeiros, e existe uma crença geral de que o povo local ainda não teve muito contato com a AIDS. Gringos, por outro lado, podem "trazer doença", e o cliente japonês acaba indo embora quando percebe que as meninas estão saindo com gringos. Assim, não adianta vc oferecer uma fortuna, pois não entra. Não vá pra não passar vontade. Alguns clubes são ainda fechados apenas para membros, o que inclui altos diretores de grandes bancos e corporações (alguns desses caras até casam com as meninas). Como turismo, é válido ficar olhando o movimento local. Ah: movimento: entre 18:00 até 22:00 (depois disso, esquece). Para ser sincero, me disseram que garimpando dá pra encontrar algum que aceite gringos (nós)... mas haja paciência! Se alguém foi, conte pra nós. <BR> <BR>5.1) Quartinhos perto da Soapland <BR>O turista chupando dedo nas ruas é abordado por pimps que te conduzem para prédios estranhos (dá a sensação de estar entrando em um dos esconderijo dos inimigos do Charles Bronson <IMG SRC="images/smiles/icon_eek.gif">) onde tem quartinhos com um ofurô (banheira), uma menina e uma tv. Programa caro (US$200) e menina feia (nota 3, 4). Diga "doomo arigatou, sayonara" educacamente e fuja. <IMG SRC="images/smiles/icon_smile.gif"> <BR> <BR>Putz, cansei de novo... depois eu finalizo! <IMG SRC="images/smiles/icon_biggrin.gif"><BR><BR><font size=-1>[ Esta Mensagem foi editada por: GuiaTurístico em 2001-12-27 14:33 ]</font>
"Quando um não quer o outro vira onanista" (Millôr)
GuiaTurístico
 
Mensagens: 13
Registrado em: 07/12/2001 21:39:00
Localização: São Paulo - SP - Brasil

Mensagempor Sukebe » 10/12/2001 18:29:00

Então, como eu ja falei, não poderia ficar longe dessa, nós não podemos nos esquecer de Osaka, é o point também!! <BR> Lá há vários bairros para a putaria, não me recordo os nomes... <BR> Pode-se dizer que é um dos lugares mais perigosos, afinal a maior MÁFIA JAPONESA, está localizada na região, fora a máfia há também os "BOUSOZOKUS", são turmas de jovens que andam de motos, em turmas de mais de 20 pessoas, são turmas de bairros... <BR> <BR> É um lugar onde tem muita variedade de diversão, tudo que vc possa imaginar tem, até mesmo a tal da "chupetinha", onde vc coloca o seu "bilau", em um buraco e tem alguém ou alguma coisa que te chupa do outro lado...meu... é PUNK...<IMG SRC="images/smiles/icon_smile.gif">... eu mesmo nunca fui.hehehehe. <BR> <BR> Então galera, cuidado, país de primeiro mundo é perigoso também... <BR> <BR> Abraços....
EU TÔ NA ÁREA!!!!!
Sukebe
 
Mensagens: 11
Registrado em: 08/12/2001 11:51:00
Localização: São Paulo - SP - Brasil

Mensagempor GuiaTurístico » 18/12/2001 18:27:00

Eu tinha ficado de publicar o resto e, como demorei, acabei esquecendo... bem, aqui vai! <BR> <BR> <BR>6)Outras loucuras <BR>Bem, a essa altura o amigo já está bem familiarizado com a bizarrice nipônica e pode partir para coisas mais avançadas: <BR> <BR>6.1) Harajuku <BR>É um mercado mundo mix japonês. Rua estreita com gente esquisita. Direito a gente vestida de KISS, múmias, anjos, sadomasos, palhaços tristes e gente estranha sem tema específico. <BR>Algumas destas pessoas são hardcore apenas na aparência, e tímidas de personalidade. <BR>Outras são inclinadas ao teste de limites, e podem aceitar propostas indecentes. O problema é se elas ficarem empolgadas demais... Vale a pena conferir. <BR> <BR>6.2) Maruyama-cho <BR>É o nome de uma rua, acho. Fica em Shibuya que é SHOW. O esquema é baladas. Mas são baladas diferentes de Roppongi. São baladas para os locais . Ali sim o amigo vai encontrar a japonesada hardcore, cada clube (balada) é diferente, com um tema. Dica: os melhores são os que tem meninas fantasiadas de coelhinhas entrando. Sim! Seria o equivalente às nossas patricinhas de tubinho preto. Mas são japonesinhas-coelhinhas, com orelhinha e pompom. <IMG SRC="images/smiles/icon_biggrin.gif"> <IMG SRC="images/smiles/icon_biggrin.gif"> Tudo de bom <IMG SRC="images/smiles/icon_biggrin.gif"> <IMG SRC="images/smiles/icon_biggrin.gif">. A balada é normal, na medida do possível, e se o visitante tiver sorte em encontrar sua cara metade, vai se divertir muito. Chances de se dar bem: 50%. Se for loiro: 90%. <BR> <BR>6.3) Colegiais <BR>Por fim, um manifesto. Muitos sabem do problema social que o Japão enfrenta (e está superando) com relação à prostituição infantil. É algo muito triste, principalmente em um país que tradicionalmente foi cheio de regras de conduta mas hoje em dia está chutando o balde para valores morais. Sabendo de algo, denunciem às autoridades locais. <BR> <BR>Bem, acho que é isso. Desculpem, muita coisa já me é falha à memória ou pode estar desatualizada. Mas estou às ordens pra ajudar a esclarecer qualquer coisa. <BR> <BR>p.s. sobre essa gangue de motoqueiros que o Suke Be falou, eles são sim perigosos... mas tem uma, em particular, que merece um parágrafo de nossa atenção: eles usam jaquetas de couro cor-de-rosa <IMG SRC="images/smiles/icon_confused.gif"> e são conhecidos como Cinderella (???) <BR><BR><BR><font size=-1>[ Esta Mensagem foi editada por: GuiaTurístico em 2001-12-18 19:29 ]</font>
"Quando um não quer o outro vira onanista" (Millôr)
GuiaTurístico
 
Mensagens: 13
Registrado em: 07/12/2001 21:39:00
Localização: São Paulo - SP - Brasil

Mensagempor steeler » 20/10/2002 19:09:00

Caraca!! Pelo q eu entendi viajar pro Japão pra pegar GP eh a maior roubada de todas!! <BR> <BR>O Japão pode ser fantástico e com certeza deve ser um dos locais mais interessantes do mundo...mas pra putaria parece q nao é o lugar certo.... <BR> <BR>Impressao que me deu segundo os comentários lá em cima: Caro, longe, tem xenofobia, garotas feias, tem q dar gorjeta pra tudo, tem chance de um iraniano invocar e vc se fuder, muitos lugares restritos, fecham cedo, da pra se perder até n poder mais....ou seja...nao vejo motivo algum pra procurar programa por lá.... <BR> <BR>Sou muito mais as japonesinhas em SP mesmo(bjos Meyre)...<IMG SRC="images/smiles/icon_smile.gif"><BR><BR><font size=-1>[ Esta Mensagem foi editada por: steeler em 2002-10-20 20:16 ]</font>
steeler
VELHA GUARDA DO FSD
VELHA GUARDA DO FSD
 
Mensagens: 46
Registrado em: 09/10/2002 02:44:00
Localização: São Paulo - SP - Brasil

Mensagempor Match 5 » 17/07/2003 02:20:00

Com certeza,quem nunca foi ao Japão e não tem cara de japonês e não entende bulhufas do idioma japonês fica meio difícil de sair com uma GP.Nos descendentes de japoneses já sofremos os maiores dos preconceitos quanto mais um brasileiro.Se falar que e americano e souber falar, a historia já e outra nem precisa pegar GP.As japonesas são fissuradas por americanos.Ainda mais se forem negões.Mas voltando ao assunto...Morei no Japão durante 12 anos.No começo quando não sabia falar nada em japonês,nem sequer podia sonhar em entrar nos famosos¨Soaplands¨(sopurando em japonês=puteiro).Poderia entrar somente por apresentação de um cliente japonês, pois ele se responsabilizaria por qualquer ato seu.No começo eles alegam que pelo fato de você não souber falar o idioma japonês você possa extrapolar os limites da garota causando alguma espécie de constrangimento.Fora o medo que varias garotas sentem de se contaminar por alguma DST por sermos estrangeiros.Para elas,nas maiorias das vezes,como viemos de um pais de segundo mundo carregamos as piores doenças.Mas depois de algum tempo freqüentando a casa adquirimos confiança tanto por parte dos donos do puteiro quanto pelas garotas.Os donos dos puteiros costumam ser YAKUZA mas se você for um bom cliente e não causar nenhuma espécie de problema tem acesso liberado com direito a tratamento VIP afinal de contas nosso dinheiro também e bom.Existem casas com vários gostos e preços.Como no Brasil casas com preços bem acessíveis só da baranga e pior...você não tem direito a escolha.Caso você desista do programa tem de pagar uma taxa .Normalmente uns 2 a 10 mil ienes, dependendo do nível da casa.Um programa normal com uma garota razoavelmente bonita e com duração de 120 minutos sai nada menos que uns 45 mil ienes, algo em torno de US$370.Para quem pode gastar mais existem os puteiros de luxo que custam em torno de 90 mil ienes.Mas existem puteiros mais caros que exigem que o cliente se cadastre e pague uma taxa de adesão de 50 mil ienes com programas a 300 mil ienes.Um absurdo para os padrões brasileiros.Mas os aposentos são de dar inveja a qualquer motel 5 estrelas daqui do Brasil.Sem falar do alto nível das garotas.Normalmente universitárias ou modelos, meninas que assim podemos dizer de¨boas famílias¨. <BR>Existem programas mais lights e mais em contas chamados pink saloon e health.Nos pink saloon(pinku saron),em uma sala separada por biombos, so rola chupetinha e no maximo que você pode fazer e bolinar a menina alem da chupetinha.Sai em torno de 8 mil ienes um programa de 40 minutos.Ja os health(herusu) os programas se assemelham as nossas massagens tailandesas com direito a relaxamento oral,manual,a espanhola e vaginal sem penetração que em japonês se chama ¨sumata¨.Normalmente feitos sem preservativos.Um programa desse custa em torno de 20 mil ienes por 90 minutos.Nesse tipo de programa você pode fazer quase tudo com a mina, exceto comer o cu e a boceta dela. Existem também os anal health mas são poucos.La você pode fazer quase tudo inclusive comer o cu da garota mas sem penetração vaginal,normalmente so da baranga. <BR>Mas com sorte e algum tempo freqüentando a casa, você acaba conquistando a confiança da garota e consegue comer ela por completo pelo preço normal da casa sem adicional nenhum, afinal de contas elas sentem um puta tesão por você de vez em quando.Dai liberam geral sem se importarem com as regras da casa que e para não liberar a penetração vaginal...Mas como toda regra e para ser quebrada...hehe!! <BR>Pulando um pouco fora do assunto de GP, no Japão existem também as casas de strip teases nada parecido com os strips daqui.Bom...parecido e...somente ao tirar a roupa...Depois disso rola uma sessão de fotografia com maquinas polaroides nas posições mais inusitadas possíveis, como a mina abrindo a boceta na tua cara, etc...Alem das sessões de touch leia-se tachi em japonês... Onde a garota peladona chega em frente ao cara do auditório e deixa ele tocar nela em qualquer parte do corpo inclusive aceitando que o cara insira os dedos em seus orifícios.O palco e muito pequeno e fica no centro da platéia.Normalmente cabem no maximo umas 100 pessoas ou seja quem pega lugar nas primeiras filas se da bem ou mal...Dependendo do ponto de vista....hehe!!Para quem não teve este tipo de experiência pode ser algo muito chocante ou muito excitante.Alguns strips costumam contratar bailarinas estrangeiras,normalmente filipinas ou russas,que ao final da performance do strip fazem um sorteio de sexo ao vivo entre a platéia.O sorteado deve trepar com a garota ao vivo no meio do palco.No geral o cara acaba brochando...he,he...Para quem curti programas bem trash essa e uma opção...he,he!!! <BR><BR><BR><font size=-1>[ Esta Mensagem foi editada por: Ronnie em 2003-07-17 03:14 ]</font>
Avatar do usuário
Match 5
VELHA GUARDA DO FSD
VELHA GUARDA DO FSD
 
Mensagens: 5
Registrado em: 22/04/2003 13:13:00
Localização: São Bernardo do Campo - SP - Brasil

Dicas

Mensagempor Face » 20/02/2009 16:28:41

Ola

Como ja foi dito anteriormente, é um pouco dificil, principalmente nas cidades mais pequenas, vc conseguir fazer um TD com uma japonesa. Cidades grandes, como Nagoya e Osaka, vc pode encontrar mais facilmente algum lugar pra TD, principalmente com chinesas, filipinas, romenas, russas...
Se vc quiser fazer um TD com alguma japinha top, aconselho a perguntar para algum amigo japones e ir junto com ele, pois eles sempre conhecem alguns lugares ou mesmo podem ligar para o classificados q eles conseguem comprar até nas lojas de conveniencias, mas mesmo assim pode correr o risco de nem poder entrar no local. :? Sempre q consegui fazer TD com japinha, tive q ir junto com algum amigo japones q já conhecia o lugar. Não sei se depois de depois de algumas vezes, eles te liberam de entrar sozinho.

Bom, mas a dica q eu queria passar é sobre o http://www.nosite.jp é tipo um classificados, mas com GPs brasileiras. Dei uma olhada agora e so tem 3 garotas anunciando. O site ta sempre mudando, tanto q as garotas com quem ja sai, nem estao anunciando mais. Tentei ligar pra 2 delas e o telefone não esta mais funcionando. Os lugares q elas atendem são normalmente Hamamatsu, Nagoya ou Osaka. Os valores e periodos tbm variam de garota pra garota.

Nem sei se tem alguem interessado em fazer TD no Japão, mas tai uma dica. :yes:
Face
 
Mensagens: 28
Registrado em: 05/02/2009 15:46:31

Re: Tóquio - informações gerais

Mensagempor kintama » 24/01/2011 13:30:13

Bom mais um pouco de Tokyo e outras cidades grandes
Sou oriental e morei varios anos no Japão .
Nas cidades grandes a quantidade de puteiros acho que é maior que daqui do Brasil São Paulo.
Tem muitos puteiros para todos os lados. tem aquelas que são para chupada expressa,
Teve um local como uma boate so que ninguem dançando so as meninas servindo e conversando ai se for com a cara da mina ela vai para baixo da mesa e te faz um boquete,é muito bizarro. Só que é encapado,Ela faz o serviço e te limpa .
Tudo embaixo da mesa. R$100,00 a R$200,00
Tem outros ligares que a mina faz chupeta encapado , cavalga,de 4 mas sem ter relação(penetração) esses lugares sao mais baratos de R$100,00 a R$300,00
O lugar aonde vc trepa de verdade é conhecido como SOUPLAND aqui sim , primeiro tem uma massagem tipo tailandesa
so que com um liquido escorregadiu ,muito legal,vc pode meter assim ou depois de se lavar, geralmente é de 1 hora e sai de R$400,00 a R$1.000,00 .Tem lugares que pode chegar a uma fortuna para da uma.
Esses lugares tem placa e tudo ,geralmete fica em becos com placas bem chamativos e pessoas te chamando para entrar. Geralmente são os YAKUSA( mafioso)os donos,entao é melhor nao aprontar la.
Um pouco da curiosidade da cultura da terra do sol nascente ,
Ainda hoje os filmes e revistas são com mosaico, vai entender!!!
Abçs
KINTAMA
A gostosa do avatar! http://www.facebook.com/dannyela.dany?fref=ts

SOU FORISTA/PUTANHEIRO SÓ DE SEGUNDA A SEXTA NO HORARIO COMERCIAL!!!

Sócio nº 053 do CLNT - Clube Língua No Toba
Avatar do usuário
kintama
 
Mensagens: 425
Registrado em: 19/10/2010 08:16:46

Re: Tóquio - informações gerais

Mensagempor srmadruga » 16/02/2011 21:35:16

Ninguém aqui comentou que no Japão tambem existem papinho padrão de puta, zona que só quer nosso dinheiro,na minha opiniao,
ir na zona no Japão fica descartado,primeiro, a GP nao vai saber muito inglês, segundo, tem puteiro que é safado, mesmo com os Japoneses.
Enfiam consumação e querem cobrar o olho da cara.

Recomendo negociar com as garotas das estações de trem, essas é estilo comeu, pagou certinho, bye...
srmadruga
CHUPIM DO FSD
CHUPIM DO FSD
 
Mensagens: 17
Registrado em: 16/02/2011 21:26:31

Re: Tóquio - informações gerais

Mensagempor kintama » 15/07/2011 12:49:21

Saiba como “arranjar” sexo no japão!

Já imaginou se você viajar la pra terra do Sol Nascente e de repente você se pega num quarto de hotel no meio de Tókio, uma cidade infernalmente barulhente e você lá, assistindo TV, onde um “zói-puxado” fala sem parar alguma coisa que você nunca irá entender. O que fazer? Procurar alguma prostituta, certo!?
Mas como saber o que falar pra conseguir sexo. E pra você, mulher, como arranjar um japonês “pintudo” pra dar uma cansada? Teus “puroburema” abacaram! Arranjamos um dicionário prático Português/Japonês para você esfolar a giromba la no Japão.

Cu: Ketsu
Sexo Anal: Anaru sekkusu (do inglês Anal Sex)
Bolas/Testículos: Kintama (do inglês Golden Balls)
Bondage: Shibari, Kinbaku
Namorado: Kare (Amante de garotas)
Peitos: Oppai, Chichi
Bunda: Shippeta
Camisinha: Kondo-san
Velho tarado: Ero-jiji, Ero-oyajii
Ereção: Tento-wo-haru (Ficando Duro)
Bicha: Okama
Fetiche por Pés: Ahi-fechi (do inglês Fetish)
Fuck!: Kuso! (usado como interjeição, como: Caralho!, Porra!)
Me fode!: Hamete chodai!
Me fode com força!: Fukaku hamekonde chodai!
Gay: Gei
Namorada: Suke (Gíria)
Hardcore: Hado koa (mais usado por gays)
“Tô quase lá!!!”: Iku…Iku!!!
Punheta: Masu-wo-kaku
Amante: Aijin (Adultério)
Amante: Koibito (Normal)
Masturbação: Hitorigokko (Brincar sozinho)
Masturbação: Hitori-ecchi (Sexo solitário)
Siririca: Suichi o ireru
Pinto: Chinchi, chinko, chimpo, chimpoko
Caralho arreganhado: Furuchin
Pervertido: Hentai
Prostituição: Enjo kosai
Mulher da noite/Prostituta: Yotaka
Buceta: Omanko, omeko, manko
Sexo: Ecchi
Filme de sexo: Ero kasetto
Escrava sexual: Joro
69: Ainame
Vadia/Vagabunda: Yariman
Pau: Iro otoko
Transexual: Futanari
Tetas: Chichi
Espanhola: Paizuri
Chuva dourada: Gan-men Shawaa, Seisui-purei

Seja um sucesso no Japão, mostrando que você é o mais pintudo do local.
A gostosa do avatar! http://www.facebook.com/dannyela.dany?fref=ts

SOU FORISTA/PUTANHEIRO SÓ DE SEGUNDA A SEXTA NO HORARIO COMERCIAL!!!

Sócio nº 053 do CLNT - Clube Língua No Toba
Avatar do usuário
kintama
 
Mensagens: 425
Registrado em: 19/10/2010 08:16:46

Re: Tóquio - informações gerais

Mensagempor Shinji Kagawa » 15/07/2011 12:58:06

kintama escreveu:Saiba como “arranjar” sexo no japão!

Já imaginou se você viajar la pra terra do Sol Nascente e de repente você se pega num quarto de hotel no meio de Tókio, uma cidade infernalmente barulhente e você lá, assistindo TV, onde um “zói-puxado” fala sem parar alguma coisa que você nunca irá entender. O que fazer? Procurar alguma prostituta, certo!?
Mas como saber o que falar pra conseguir sexo. E pra você, mulher, como arranjar um japonês “pintudo” pra dar uma cansada? Teus “puroburema” abacaram! Arranjamos um dicionário prático Português/Japonês para você esfolar a giromba la no Japão.

Cu: Ketsu
Sexo Anal: Anaru sekkusu (do inglês Anal Sex)
Bolas/Testículos: Kintama (do inglês Golden Balls)
Bondage: Shibari, Kinbaku
Namorado: Kare (Amante de garotas)
Peitos: Oppai, Chichi
Bunda: Shippeta
Camisinha: Kondo-san
Velho tarado: Ero-jiji, Ero-oyajii
Ereção: Tento-wo-haru (Ficando Duro)
Bicha: Okama
Fetiche por Pés: Ahi-fechi (do inglês Fetish)
Fuck!: Kuso! (usado como interjeição, como: Caralho!, Porra!)
Me fode!: Hamete chodai!
Me fode com força!: Fukaku hamekonde chodai!
Gay: Gei
Namorada: Suke (Gíria)
Hardcore: Hado koa (mais usado por gays)
“Tô quase lá!!!”: Iku…Iku!!!
Punheta: Masu-wo-kaku
Amante: Aijin (Adultério)
Amante: Koibito (Normal)
Masturbação: Hitorigokko (Brincar sozinho)
Masturbação: Hitori-ecchi (Sexo solitário)
Siririca: Suichi o ireru
Pinto: Chinchi, chinko, chimpo, chimpoko
Caralho arreganhado: Furuchin
Pervertido: Hentai
Prostituição: Enjo kosai
Mulher da noite/Prostituta: Yotaka
Buceta: Omanko, omeko, manko
Sexo: Ecchi
Filme de sexo: Ero kasetto
Escrava sexual: Joro
69: Ainame
Vadia/Vagabunda: Yariman
Pau: Iro otoko
Transexual: Futanari
Tetas: Chichi
Espanhola: Paizuri
Chuva dourada: Gan-men Shawaa, Seisui-purei

Seja um sucesso no Japão, mostrando que você é o mais pintudo do local.


vou confiar em você não. Vai que você tá xingando a puta achando que tá abafando e ela chama a yakuza?

não, não . o velho the book is on the table é o mais seguro!
Não faça cagada!!! Seguros em geral só com o Shinji Kagawa! Me mandem MP!!

Imagem Imagem Imagem
Avatar do usuário
Shinji Kagawa
FORISTA QUE DÁ CALOTE ENTRE AMIGOS
FORISTA QUE DÁ CALOTE ENTRE AMIGOS
 
Mensagens: 1519
Registrado em: 15/08/2009 14:59:31
Localização: Manchester, England

Re: Tóquio - informações gerais

Mensagempor kintama » 15/07/2011 13:53:59

Caro Falcom

Eu como sou da terra do WIKI Angolano,
não entendo porra nenhuma de japones!!! :gargalha: :gargalha: :gargalha:
A gostosa do avatar! http://www.facebook.com/dannyela.dany?fref=ts

SOU FORISTA/PUTANHEIRO SÓ DE SEGUNDA A SEXTA NO HORARIO COMERCIAL!!!

Sócio nº 053 do CLNT - Clube Língua No Toba
Avatar do usuário
kintama
 
Mensagens: 425
Registrado em: 19/10/2010 08:16:46

Re: Tóquio - informações gerais

Mensagempor Wiki » 15/07/2011 15:08:22

kintama escreveu:Caro Falcom

Eu como sou da terra do WIKI Angolano,
não entendo porra nenhuma de japones!!! :gargalha: :gargalha: :gargalha:


Falcon,

Em Angola falamos tchocué...não falo japonês. Mas me contaram que se você gritar: "SHIRO KUSAI OIICHI"..chove mulher na sua horta.

[]´s
................ENFIM, PRIVATIZAÇÃO CONCLUÍDA...............
Avatar do usuário
Wiki
 
Mensagens: 257
Registrado em: 03/02/2009 16:14:49

Re: Tóquio - informações gerais

Mensagempor Tio Kozu » 15/07/2011 19:36:08

No spiko su lingua.
Cabaço até o fim!
Tio Kozu
VELHA GUARDA DO FSD
VELHA GUARDA DO FSD
 
Mensagens: 107
Registrado em: 07/11/2002 23:28:00
Localização: São Paulo - SP - Brasil

Re: Tóquio - informações gerais

Mensagempor Shinji Kagawa » 16/07/2011 02:43:26

E ai, que bairro rola esta maquina, hein? kkkkkkkkkk

Imagem
Não faça cagada!!! Seguros em geral só com o Shinji Kagawa! Me mandem MP!!

Imagem Imagem Imagem
Avatar do usuário
Shinji Kagawa
FORISTA QUE DÁ CALOTE ENTRE AMIGOS
FORISTA QUE DÁ CALOTE ENTRE AMIGOS
 
Mensagens: 1519
Registrado em: 15/08/2009 14:59:31
Localização: Manchester, England

Re: Tóquio - informações gerais

Mensagempor srmadruga » 17/08/2011 21:56:37

ketsu é bunda!!!!
srmadruga
CHUPIM DO FSD
CHUPIM DO FSD
 
Mensagens: 17
Registrado em: 16/02/2011 21:26:31

Re: Tóquio - informações gerais

Mensagempor kintama » 21/09/2011 10:24:41

Aos caros foristas

Ás vezes nós comportamos de maneira errada no exterior só por falta de conhecimentos.

Hoje vou lhes apresentar 10 coisas que os brasileiros não devem fazer no Japão. Sabendo disso, vocês não iam fazer nenhuma bobagem, nem iam chatear os japoneses sem querer.

Espero que estas dicas lhes ajudem.


1. Abrir a porta para convidado conseguir sair de casa na hora de despedida.

Ao contrário do costume brasileiro, quem convidou seu amigo para sua casa não deve abrir a porta para o convidado conseguir sair de casa na hora de despedida. Porque esta gentileza dá impressão de que quem convidou queria que o convidado fosse embora o mais rápido possível. Portanto, o convidado precisará abrir a porta com sua própria mão na hora de ir embora. Assim ele foi embora com sua própria vontade.

2. Visitar a casa do amigo sem levar nenhum presente.

Quando visitar a casa de um amigo, é obrigado levar alguns presentinhos tais como doces, bolos, salgadinhos, nada coisa muita cara, como uma educação. Quando os dois são estudantes, não têm necessidade de fazer isso. Porém,quando os dois são adultos que já trabalham nas empresas, seria melhor levar alguns presentes.

E quem convidou precisará oferecer algumas comidas e bebidas tais como doces,bolos esalgadinos na sua casa,com o objetivo de agradar os convidados.Detalhe.Não pode oferecer aquele comida que o amigo trouxe como presente, o que é considerado como a falta de educação.

3. Falar "Tim Tim" na hora de brindar.

Como atriz brasileira já comentou sobre isso no programa do Jô Soares, se não me engano, "Tim Tim" é aquela coisa de homem. Portanto, não deve dizer isso em nenhum momento lá no Japão. Em vez disso, o que é certo para dizer no momento é "Kanpai"(Saúde) em japonês.

4. Perguntar a idade para mulheres que parecem ter mais de 25 anos

Acho que esta regra é universal. Porém, vou colocar aqui como uma etiqueta que tem que ser cumprida.

5. Perguntar se tem namorado ou não

Há muitos brasileiros que perguntam se tem namorada ou namorado já no primeiro encontro. Porém, isso é considerado como falta de educação lá no Japão. Aliás,os japoneses têm tendência de esconder a existência do seu companheiro o máximo possível.

6. Perguntar sobre quanto a pessoa ganha.

Eu pensava que esta regra também era universal. Porém, eu já me encontrei com vários brasileiros que perguntaram a respeito disso. É melhor não perguntar sobre isso para os japoneses.

7. Abrir presente na hora de recebê-lo sem que seu amigo não autorize.

Aqui no Brasil, normalmente quem recebeu presente abri o presente na frente da pessoa que deu, diferente do costume no Japão. Depois precisará agradecer pelo ato bem como aqui no Brasil.

No Japão quem recebeu presente guarda o presente em algum lugar e difícilmente abrí-lo na hora para saber o que está dentro, o que é considerado como a falta de educação.

Aliás, quem recebeu o presente precisará dar presente de volta nas outras ocasiões.

8. Elogiar seu (sua) namorado(a),esposo(a) e sua família para seus amigos.

Pela tradição japonesa, as pessoas não devem valorizar e elogiar seus companheiros tais como namorado(a),esposo(a). Este atitude é considerado como uma atitude exibida. No Japão, as pessoas precisam ser humildes.

Ou seja, se você quiser fazer amigos em vez de inimigos, seria melhor apenas apresentar seu companheiro para os amigos.

9. Recusar bebida dada pelo superior na festa

Se quiser promoção na empresa onde você trabalha, seria melhor não recusar bebida oferecida pelo chefe ou pessoa de cargo superior. Caso ele seja pessoa chata, ficaria difícil de conseguir promoção posteriormente.

10. Dar dinheiro cujo número é par no casamento.

Os japoneses têm costume de dar dinheiro em várias ocasiões tais como casamento, funeral, nascimento de filho e ingresso de filho na escola primária,etc.

O número par pode ser "dividido(separado)". Ou seja, esse número lembraria "separação", o que não é adequado para festa de casamento.

Portanto,quando um convidado oferecer dinheiro para casal no casamento, a quantia de dinheiro tem que ser número impar tais como 1000 iens,30000 iens e 50000 iens.

Boa viagem!

http://traducao-japones.blogspot.com/2011/06/10-coisas-que-os-brasileiros-nao-devem.html
A gostosa do avatar! http://www.facebook.com/dannyela.dany?fref=ts

SOU FORISTA/PUTANHEIRO SÓ DE SEGUNDA A SEXTA NO HORARIO COMERCIAL!!!

Sócio nº 053 do CLNT - Clube Língua No Toba
Avatar do usuário
kintama
 
Mensagens: 425
Registrado em: 19/10/2010 08:16:46

Re: Tóquio - informações gerais

Mensagempor Santista » 21/09/2011 14:19:34

Massari escreveu:
kintama escreveu: Portanto,quando um convidado oferecer dinheiro para casal no casamento, a quantia de dinheiro tem que ser número impar tais como 1000 iens,30000 iens e 50000 iens.


Outra coisa que não sabia: que os número 1.000, 30.000 e 50.000 são números ímpares no Japão.

[]´s.


kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
massari vc é um fela!!!!!!
Amigos de verdade e inimigos declarados são poucos, o foda são os falsos "boa gente"!!!
Santista
VELHA GUARDA DO FSD
VELHA GUARDA DO FSD
 
Mensagens: 432
Registrado em: 04/08/2004 11:52:47

Re: Tóquio - informações gerais

Mensagempor kintama » 21/09/2011 15:25:16

Massari escreveu:
kintama escreveu: Portanto,quando um convidado oferecer dinheiro para casal no casamento, a quantia de dinheiro tem que ser número impar tais como 1000 iens,30000 iens e 50000 iens.


Outra coisa que não sabia: que os número 1.000, 30.000 e 50.000 são números ímpares no Japão.

[]´s.


Massari,
Ficou meio esquisito ,mas é
Referente ao 1ºdígito.
Como nao exite a nota de 1,nem 10 ,nem 100iens, ficou assim. (1,5,10,500 iens são moedas)
Notas seriam de 1.000, 5.000 e 10.000iens.(equivalentes a R$20,00, R$100,00 e R$200,00 respectivamente)
A gostosa do avatar! http://www.facebook.com/dannyela.dany?fref=ts

SOU FORISTA/PUTANHEIRO SÓ DE SEGUNDA A SEXTA NO HORARIO COMERCIAL!!!

Sócio nº 053 do CLNT - Clube Língua No Toba
Avatar do usuário
kintama
 
Mensagens: 425
Registrado em: 19/10/2010 08:16:46

Re: Tóquio - informações gerais

Mensagempor srmadruga » 07/11/2011 20:40:52

Kintama, postou ótimas informações!!!!!

Obs. Gostei da máquina rsrsrssssssssssssssssssssssss
srmadruga
CHUPIM DO FSD
CHUPIM DO FSD
 
Mensagens: 17
Registrado em: 16/02/2011 21:26:31

  • Quem está online
  • Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante

Voltar para Putas, puteiros e putarias em outros países

cron